São Paulo, 28 de maio de 2017. Seja bem-vindo! ARTES PLÁSTICAS • ENSAIOS • SIMULAÇÕES 
 
Ida à Galeria do Rock 01
São Paulo, 4 de outubro de 2010, segunda-feira.


Para quem que não sabe, trata-se de uma importante referência na cidade de São Paulo. É um prédio cujo térreo e subsolo liga a Rua 24 de Maio, nº 62, com a Av. São João, nº 439. Além desses níveis, praticamente os três primeiros pisos são ocupados por lojas de músicas, produtos e serviços de tatuagens, roupas e calçados de grifes para vários tribos urbanas (punks, emos etc.). E por fim, nos dois últimos andares, materiais para silkscreen (serigrafia), transfers, hot stamping, ateliês que trabalham com essas estampas e pequenas gráficas. Justamente as áreas que me interessam. Mas em todos os andares você encontrará as camisetas estampadas por várias técnicas, além de bonés e as máquinas que bordam esses.



Também encontra-se nessa galeria, uma alfaiataria, uma loja de consertos de equipamentos fotográficos, outra voltada para brinquedos inspirados em séries de TVs e em filmes etc. Lanchonetes, ótica, relógios, skates, materiais para grafiteiros (tintas e revistas especializadas) etc.



Em uma dessas lojas de roupas, encontrei uma senhora, entre 50 a 60 anos, tatuada e vestida como uma gótica - eu diria gótica da terceirea idade - porque a sua filha, dona da loja, ao que parece, é uma (na ocasião ela não estava lá). Foi nessa loja que encontrei as reproduções de Mark Ryden. Mas não estão à venda. Apenas as pequenas bijouterias (bottons) com as réplicas do artista é que são vendidas. Enquanto eu conversava com ela, surpreso pela singular adaptação de uma geração na outra, entrou uma turma, fascinada justamente por uma das reproduções do Ryden. Um deles, com os seus 25 anos, creio eu, e que tinha uma das orelhas dilacerada por um alargador de plástico (que você encontra por aí, e que deixaria qualquer pataxó com inveja), queria levar a todo o custo a reprodução. Até aquele momento pensei que era um dos poucos que conheciam os trabalhos de Mark Ryden. Mas eu estava enganado. Ele tem fanáticos apreciadores por aí.


Mas por que me interessei por essas manifestações culturais? Na verdade fui para a Galeria do Rock com o intuito de pesquisar os preços de estampas de camisetas. Além disso, eu queria saber se o pessoal compraria as artes criadas por mim ou não. Ou se eles encomendariam os trabalhos. Evidentemente que é uma boa ocasião para conhecer as tribos, e suas conseqüentes tendências. Uma vez que as artes em camisetas têm muito a ver com essas gerações. Ainda que eu seguisse um outro tipo de discurso nas artes. Fiz então, a questão de subir andar-por-andar, como se faz em um museu ou galeria de artes, observando os comportamentos dos seus freqüentadores (a maioria dentro de uma determinada faixa etária), além das vitrines, cheiros de essências etc. A galeria é, de fato, muito movimentada.


Poderia dizer que ficaria horas percorrendo as lojas. E aprender muita coisa com isso. Pois, o lugar é muito extenso em novidades. Quanto ao preço das estampas em camisetas, encontrei uma loja que cobra R$ 2,00 por estampa em silkscreem, uma cor apenas. Mas deve ser no mínimo 10 peças, e as camisetas tem seus preços à parte. Além do preço da confecção da tela de silk e da queima da matriz (aproximadamente R$ 28,00), e a confeção da arte final (que nesse caso sou eu que faço).



Se for pela técnica de transfer, tem uma outra loja, e que cobra R$ 11,00 por estampa em peça branca, e R$ 13,00 na peça escura. Mas o preço da camiseta está incluso. Evidentemente que você não escolhe a marca da camiseta. Existe uma outra técnica: A de sublimação, a qual não conheço. Mas isso é uma questão de tempo.






Comentários feitos
No momento não são aceitos mais os comentários.

02/03/2011 - 14:27 - Cida S - Seu blog é muito bacana! é a primeira vez que abro e gostei muito!
Parabéns e continue.
Agora que conheço, vou estar estar sempre por qui!
até a próxima!!

Cida S
mdesouza80@yahoo.com

06/03/2011 - Zadoque - Obrigado por ter gostado!


®zadoque, 2013 -- Você pode usar o conteúdo desta página desde que indique a fonte.

Tópicos a pesquisar:
APRESENTAÇÃO
BLOGS E SITES INTERESSANTES
ZADOQUE ARTS
QUEM É ZADOQUE?
CONTATO POR E-MAIL

Blog e redes sociais aonde possam deixar comentários:
ZADOQUE IMAGES
TWITTER/ZadoqueImages


®zadoque, 2013